Medidas Preventivas de Demência

Ontem foi publicado na revista médica Lancet que quase 50 milhões de pessoas sofrem de demência no mundo. Nela também foram destacadas intervenções para prevenir, apesar das pessoas estarem vivendo mais.
As medidas destacadas no artigo foram apresentadas na Conferência Internacional da Associação de Alzheimer, onde especialistas do mundo todo se encontraram para discutir as pesquisas na área.
Vinte e quatro especialistas em demência revisaram os estudos de demência com embasamento científico e sintetizaram os resultados para prevenção do Alzheimer que resultaram no artigo publicado em 20 de julho de 2017 e disponível no link no final dessa postagem.
Relataram que um em cada 3 casos de demência poderiam ser evitados com algumas medidas simples a serem adotadas:
        ⁃ Aumentar a escolaridade na fase inicial da vida.
        ⁃ Atividade física regular.
        ⁃ Tratar perda auditiva que apareça na meia idade.
        ⁃ Tratar adequadamente hipertensão arterial.
        ⁃ Combater obesidade.
        ⁃ Tratamento adequado de depressão.
        ⁃ Tratamento adequado para diabetes.
        ⁃ Abandonar o tabagismo.
        ⁃ Aumentar o contato social na terceira idade.
Também avaliaram a importância do diagnóstico precoce para se iniciar as medicações, terapias de estimulação cognitiva e aumento dos exercícios físicos.
É de grande importância discutimos e ficarmos atentos a esse tema porque a população cada vez envelhece mais, e a maioria dos casos surge após 75 anos.

https://oglobo.globo.com/sociedade/edward-phillips-professor-de-medicina-de-harvard-doencas-sao-resultado-de-escolhas-que-fazemos-21613411

Comentários

Postagens mais visitadas