Adolescentes com Pais Fumantes tem o Dobro de Risco de Se Tornar dependente de Nicotina

Uma pesquisa da Universidade de Columbia e do Instituto de Psiquiatria de Nova York mostra que o adolescente tem maior risco de dependência de nicotina quando pelo menos um dos pais fuma. A relação ficou mais evidente quando se tratava da filha adolescente com a mãe fumante.

Esse estudo abordou 35 mil pares de adolescentes e pais.

Os adolescentes que não tinham pais fumantes admitiram já ter experimentado nicotina em 13% dos casos. Desses 5% se tornaram dependentes de nicotina. Já nos que tinham pelo menos um dos pais fumantes, 38% já tinham fumado na adolescência. Desses, 15% se tornaram dependentes da nicotina.

Esse estudo comprovou a influência direta dos pais nos seus filhos no hábito e dependência de fumar. Veja o link da reportagem publicada no o Globo em 4 de outubro de 2015


Comentários

Postagens mais visitadas